Usuários perturbam a British Library

Antigos – no sentido de velhos, mesmo – usuários da Biblioteca Nacional da Inglaterra estão desgostosos com os novos frequentadores da biblioteca: adolescentes. Segundo essa notícia, os adolescentes vão pra biblioteca pra, além de estudar (ou copiar coisas dos livros?), flertar e ficam dando risadinhas, ocupando as mesas e não deixando os verdadeiros pesquisadores lerem e estudarem em paz.

Bom, por um lado, pode-se achar boa essa mudança, pois quer dizer que os adolescentes em questão acham a biblioteca um ambiente bom para se estar e não têm aquela visão de que é lugar de castigo ou coisa do tipo. Mas… só ir na biblioteca serve de algo? Pelo que a notícia diz, eles de fato estudam, mas não ficam só “fazendo anotações em blocos de notas”, conversam, interagem uns com os outros. Acho válido isso, acho que a biblioteca não é só pra ir fazer um trabalho ou uma pesquisa – desde que existam salas separadas pras pessoas que querem estudar em e no silêncio.

Mas nem era pra ser um post “sério”. O melhor da notícia é a frase a seguir, que adotei como lema pessoal:

Ele contou que recentemente teve de pedir que um grupo de estudantes ficasse quieto. “Eles olharam para mim como se eu não fosse ‘cool’”, diz ele. “Eu pensei, ‘Isto é uma biblioteca – nós não temos de ser legais’.”

3 respostas para “Usuários perturbam a British Library”

  1. Hehehe

    Tem uma histórinha do Pato Donald em que ele faz bico de bibliotecário.

    Tem uma parte em que ele resolve ligar o rádio, a pretesto de animar o ambiente… 😛

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *